11/08/2022

Moradora de Contagem, Lili, como Maria do Carmo gosta de ser chamada, costumava ser uma pessoa muito ativa: dava aulas de geografia, é mãe de 3 filhos e já publicou 2 livros. Aos 56 anos, logo após a perda de seu marido, ela se descobriu com uma doença rara que afeta o cérebro e faz, de forma progressiva, com que perca a coordenação motora. Inicialmente abalada, mesmo com todas as adversidades, Lili se redescobriu uma pessoa feliz.

Venha conhecer a história da Maria do Carmo que, apesar de todas as dificuldades, ainda vive feliz e nos dá uma lição de como superar os obstáculos da vida.

7 Comentários

    Ela não anda. Ela DESFILA!

    Maravilhosa…Lili é uma pessoa de alegria contagiante, boa e amiga que faz a passagem pela vida ser mais leve! Não só pra ela mas pra todos que a rodeiam! É linda, por dentro e por fora!!!! Eu a amo!!!!!

    Ahhh, que exemplooooo de ser humano!!!Maravilhosa demais!!!

    Ahhh, que exemploooo!!!

    Linda, abençoada. Prima querida ♡
    Ensina a gente a viver.

    Lili é uma das pessoas mais maravilhosas que conheço. Fomos colegas de faculdade e de trabalho. Hj é uma amiga. Embora nos distanciamos fisicamente, mas nossos corações estarão sempre ligados! O seu brilho não deixa ninguém na escuridão. Amo vc❤❤💐🌹

    A Lili é linda de viver! É impressionante a energia, alegria, a disposição e a auto estima que ela tem. Sempre que a vejo está com um sorriso estampado na rosto. E que mulher bonita, inteligente, e meiga. Sou fã de carteirinha dessa mulher exemplar, dessa mãe guerreira, dessa deusa lutadora! Hoje não temos muito contato mas o que importa é o que está em nossos corações que é para sempre esse amor que eu tenho por ela como se fosse minha mãe.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.